Distopias e a Escola de Frankfurt (HQ)

As obras “Admirável mundo novo” (1932) de Aldous Huxley e “1984” (1948) se tornaram clássicos da literatura mundial. Os dois romances retratam distopias, sociedades que alcançaram um grande avanço tecnológico mas onde predomina a imbecilidade coletiva, o controle das liberdades individuais, a manipulação da informação, a violência física e simbólica e uma grande desigualdade social. Logo abaixo vocês podem conferir um quadrinho que compara os dois livros. 

Em seguida vocês podem conferir um quadrinho sobre a Escola de Frankfurt. Esse grupo de estudiosos alemães identificou nas sociedades do século XX uma série de características presentes em romances distópicos como os de Huxley e Orwell.










Compartilhe no Google+

0 comentários: